Logo tv aberta
 

30 mentiras frequentes na maioria dos relacionamentos

Pesquisas mostram que as pessoas costumam contar aos seus parceiros pelo menos uma mentira

20/05/2019 19:19:33

 30 mentiras frequentes na maioria dos relacionamentos

Pesquisas mostram que as pessoas costumam contar aos seus parceiros pelo menos uma mentira inofensiva por dia. Isso quer dizer que os casais convivem com um monte de mentiras. Quais são as maiores inverdades que homens e mulheres contam? Fizemos uma enquete com casais e listamos abaixo as 30 melhores.

“Ficarei pronta em cinco minutos”

Esta pequena mentira costuma ser comum em casais com filhos. É quase impossível ficar pronto, tendo que correr atrás das crianças – ainda mais em cinco minutos. Duplique ou triplique o tempo que você acha que levará para se aprontar, para que você possa dar a seu parceiro uma noção mais precisa de quanto tempo precisa para se arrumar.

“Eu não dormi com tantas pessoas assim”

É um fato: a maioria dos parceiros quer evitar o compartilhamento de detalhes íntimos sobre seus relacionamentos passados ??com o parceiro atual, principalmente porque eles querem poupar seus sentimentos ou evitar conversas embaraçosas. Mentir sobre o seu "número", no entanto, pode sair pela culatra, então tenha cuidado ao contar essa mentirinha.

“Não, você vai para a festa com nossos amigos, e eu fico em casa com as crianças”

Quase ninguém, não importa o quão altruísta ou generoso seja, prefere ficar em casa com os filhos (novamente) em vez de sair para jantar com amigos. Mas babás podem ser caras, então os parceiros contam essa pequena mentira para que o sortudo da vez se sinta menos culpado por sair e deixar o outro com as crianças.

“Ah isso? Isso é velho”

Mentir para o parceiro sobre as finanças com frequência pode ser problemático, mas de vez em quando as pessoas mentem sobre pequenas compras que fazem. Acontece em todos os relacionamentos e não deve ser algo muito preocupante.

“Eu gosto da sua família”

É muito improvável que seu parceiro/sua parceira goste de todas as pessoas da sua família. Isso porque, como a ciência mostra, desenvolver relacionamentos com a mãe, o irmão e outros membros da família do parceiro é uma tarefa difícil. As pessoas nem sempre se dão bem porque têm interesses e opiniões políticas diferentes. Não gostar de alguns membros da família do parceiro é natural.

“Eu te esperei para assistir ao último episódio de ‘Game of Thrones’”

Se você não estiver em casa em uma noite de lançamento do última episódio de uma série, provavelmente você deve presumir que seu parceiro está assistindo o programa sem você. Ou ele fez isso ou está se atualizando sobre os spoilers do programa nas redes sociais.

“Você cozinha muito bem!”

É claro que você quer que seu parceiro se sinta bem com a comida que faz, mesmo que seja difícil de engolir. A boa notícia? Um estudo da Wharton Business School descobriu que “indivíduos com intenções altruístas são percebidos como mais éticos, benevolentes e honestos, mesmo quando mentem”.

“Estou bem”

Essas duas palavras são geralmente ditas depois de uma discussão

Você: “você está bem?”

Seu parceiro/sua parceira: “estou bem”.

Você: “tem certeza? Você não parece estar bem”.

Seu parceiro/sua parceira: “não, eu estou bem”.

Nunca acredite quando ele/ela diz isso.

“Vamos ficar só o tempo de uma cerveja”

Se você quiser que seu parceiro faça algo que você  sabe que ele não quer fazer, como ficar mais tempo no bar, provavelmente fará promessas vazias como essa para convencê-lo a fazer o que você quer. Sua missão, já que ele/ela sabe que a promessa de uma bebida é falsa? Faça o seu melhor para se ater a duas bebidas em vez de três ou quatro.

“Estou quase chegando”

Ninguém gosta de ficar parado esperando ou de sentir que seu tempo não está sendo valorizada pelo parceiro. Mas às vezes você tem que omitir o quão longe você está do ponto de encontro para manter a paz. Conheça aqui algumas dicas (em inglês) para alinhar seu horário ao tempo real.

“Meu telefone morreu”

Você está com seus amigos. Seu parceiro está mandando mensagens sem sentido. Você quer se concentrar no que está acontecendo na sua frente. Você escolhe não responder aos alertas que aparecem no seu telefone. Mentir sobre a bateria do seu telefone ou a recepção de mensagens pode ser o jeito de não ter que acabar dormindo no sofá.

“Não foi tão caro”

Todo mundo quer poder se permitir algo novo ou uma regalia de vez em quando, mas nem sempre as pessoas querem admitir ao parceiro o quanto esse “presente” custou. E embora não haja mal algum em contar esse tipo de mentira, se você mentir sobre suas finanças com frequência pode ser um sinal de que questões maiores de relacionamento estão em jogo.

“Esqueci completamente de lavar a roupa”

Você não esqueceu, você só não queria. Leia aqui algumas dicas (em inglês) para ajudar você a fazer algumas tarefas irritantes com mais rapidez.

“Vá em frente ...”

Essa é uma resposta frequente dada para uma longa e prolongada história que seu parceiro está contando sobre algum tipo de drama do trabalho que ele está vivendo. Ele ou ela quer contar a você todos os detalhes, mas você não quer ouvi-los. Você diz essas duas pequenas palavras e pensa em mil outras coisas enquanto ele/ela desabafa.

“Eu amei!”

Quando alguém se esforça para achar um presente para você, é improvável que você queira revelar o seu descontentamento caso não tenha gostado, é onde entra essa mentira. O parceiro não pode comprar seu entusiasmo, mas pelo menos vai sentir que você recebeu bem o presente.

“Está quase acabando”

Sua parceira quer que você vá às compras. Você quer acabar de assistir o jogo. Esta é uma das únicas respostas lógicas para evitar uma discussão do tipo “você ainda está assistindo esse jogo?”.

“Esta roupa está ótima”

Esta mentira costuma ser usada quando sua parceira ou seu parceiro veste algo que não faz muito seu estilo. Mas não tenha medo: esta é uma mentirinha que os pesquisadores acreditam que é boa de ser contada.

“Estou brincando”

De vez em quando você diz algo ao seu parceiro pelo qual você se arrepende imediatamente. Isso pode incluir uma piada sobre os pais dele/dela ou sobre a roupa que ele/ela está usando. Nesses casos, a frase pode proteger o relacionamento.

“Eu juro que eu não ronco”

Claro que você não ronca. Sua parceira só dorme com tampões de ouvido e um travesseiro na cabeça porque você é muito silencioso. Leia aqui (em inglês) como você pode saber se o seu ronco é sinal de algum problema de saúde.

“Eu também adoro “Duro de Matar!”

A maioria das pessoas quer partilhar interesses comuns com o parceiro, o que pode levar a pequenas mentiras sobre gostar de fato das mesmas coisas. Não se preocupe, a ciência mostra que essas mentiras bem-intencionadas são aceitáveis, desde que você não comprometa suas crenças ou valores fazendo algo que não quer fazer.

“Eu adoraria receber novamente seus amigos para jantar”

A menos que você se implique da mesma maneira e ajude a sua cara-metade a planejar esse jantar para seus amigos, não há como seu parceiro ou parceira estar disposto a encarar essa tarefa pela segunda vez em duas semanas. Lembre-se, o planejamento de eventos é uma grande missão, então mostre ao seu parceiro/sua parceira um pouco de amor, executando boa parte das tarefas.

“Sua sobrinha/seu sobrinho é adorável”

Ninguém nunca dirá se uma criança importante de sua vida está mais para patinho feio. Ninguém.

“Ela/ele não faz meu tipo”

Quando seu parceiro/sua parceira lhe perguntar se você acha que alguém é gostoso, bonito ou fofo, essa provavelmente será sua resposta. Por que você diria algo que poderia ferir os sentimentos dele/dela?

“Uma salada”

Qual deve ser sua resposta quando seu parceiro/sua parceira perguntar o que você almoçou? Um hambúrguer e uma cerveja ou uma salada e um suco verde? Você decide.

“Não se preocupe com a louça. Eu lavo”

Você fez bem em dizer, mas você iria realmente lavar, secar e guardar tudo sem sua parceira ficar pedindo para fazer isso?

“Eu não estou de ressaca”

É um fato engraçado: ninguém gosta de admitir quando está de ressaca, mesmo que seja um efeito colateral natural de ir para uma balada um pouco mais forte, o que deve incluir seu parceiro ou parceira em algum momento.

“Eu não estou mentindo”

Haverá um momento em que seu parceiro pegará você contando uma dessas mentirinhas brancas, então por que não encobri-la com uma outra? Enquanto a mentira for inocente, não prejudicará seu relacionamento. Se você está escondendo algo maior, você precisa contar.

“Você não engordou, a calça que encolheu”

A situação é esta: seu parceiro/sua parceira experimenta uma calça velha, que não entra. Em seguida, vem a pergunta: eu engordei? Você, para proteger os sentimentos dele/dela, diz que não. É uma resposta lógica (que os pesquisadores dizem que é ok contar). Mas há casos em que o peso pode ser um problema, leia aqui (em inglês) quando é preciso se preocupar com a balança.

“Mas eu tenho que ir”

Você não precisa ir realmente àquele evento de trabalho, mas quer sair à noite, então acaba dando essa desculpa. Tente encontrar uma maneira de dizer ao seu parceira/sua parceira o que você deseja de verdade. Veja aqui uma sugestão de como fazer isso (em inglês).

“Eu não mudaria nada em você”

É bacana dizer que você não mudaria nada no seu parceiro/sua parceira, mas ninguém é perfeito e há coisas que você preferiria que ele/ela fizesse ou não fizesse, o que é totalmente normal. Tentar convencer seu parceira/sua parceira de que não é preciso mudar nada pode acabar causando um efeito indesejado.

Texto Extraído do Site MSN

 

NO FACEBOOK

PROGRAMAÇÃO

End.: Rua Cardoso de Almeida, 2269 - Perdizes - CEP: 01251-001 - São Paulo/SP - Telefone (11) 3868 - 2802 - Todos os direitos reservados - © 2012 TV Aberta São Paulo